Hipoterapia

A equitação terapêutica tem grandes contributos para a saúde, que se podem reflectir a nível neuro-motor, cognitivo, e psicossocial de um indivíduo. A equitação terapêutica pode, por exemplo, auxiliar pessoas que deixaram de andar correctamente após um acidente ou doença, a aprendê-lo novamente. Quando estas pessoas montam a cavalo, o movimento do cavalo é retido pelo cérebro. Esta “memorização” ajuda a melhorar a resposta do Sistema Nervoso Central, facilitando padrões de postura e movimentos mais funcionais, facto que ajuda à recuperação, ao fortalecimento da musculatura e/ou correcção da postura. Outros benefícios deste tipo de terapia passam pelo desenvolvimento da autoconfiança, da determinação e da auto-estima, bem como pelas melhorias ao nível da aprendizagem, do desenvolvimento da concentração e orientação espacial.